[interlegis] RES: Apoio a Emenda Interlegis

Telma América Venturelli telmaventurelli em interlegis.gov.br
Segunda Dezembro 19 00:41:37 BRST 2011


Prezados,

Trabalho no Interlegis há dez anos vi e vivi muitas coisas. Aos que ainda
não me conhecem sou professora universitária com mestrado em Políticas
Públicas e Gestão. Antes de trabalhar no Interlegis, local em que ingressei
por meio de um processo seletivo cuja palavra final foi dada pelo BID,
atuei como voluntária em dois projetos de pesquisa, um do MEC sobre o
Projeto Nordeste e outro da UnB em colaboração com a Universidade Católica
de Brasília. Nos dois casos acabei responsável pelo planejamento de campo
dos estudos e posterior organização para análise da base de dados. Das duas
experiências a mais impactante foi a primeira porque havia uma forte
resistência dos gestores do FUNDEF a respeito da implantação do programa
nos municípios mais remotos da Amazônia Legal.

Estas experiências, somadas a participação em algumas publicações também me
ajudaram no processo seletivo e fui então contratada para trabalhar no
projeto de educação do Programa Interlegis. Dois anos depois passei a
trabalhar com a equipe  de planejamento, uma das nossas tarefas era
organizar e implementar ações para  atender as metas de pesquisa. Se bem me
lembro, estávamos no ano de 2003 e começamos a ousada tarefa de propor
estudos sobre os legislativos locais (Câmaras Municipais) e contratar
especialistas para esta empreitada. Liderados na época pelo professor Jales
Ramos Marques fizemos o processo seletivo e a contratação de 10
especialistas em legislação que ao final de 16 meses criaram um modelo de
revisão de legislação municipal que tem servido de base para nossa atuação
no auxilio a revisão dos regimentos internos e leis orgânicas das cidades
que participam do Projeto de Modernização do Legislativo (PML).

Em 2004 fizemos as tratativas junto ao IBGE a fim de contratá-lo para a
primeira rodada do Censo do Legislativo, pesquisa  que seria aplicada como
suplemento do Censo Municipal (MUNIC) de 2005. Neste período passaram pelo
Interlegis três diretores diferentes e nenhum com experiência em gestão de
projetos. Neste cenário, não fomos capazes de cumprir o cronograma proposto
junto ao IBGE, contudo, a pesquisa precisava ser feita porque em 2006
vencia o contrato do Interlegis 1 e nós ainda não havíamos conseguido fazer
um diagnóstico do legislativo brasileiro na sua característica mais visível
que era a estrutura de funcionamento.

Assim, em março de 2005, a alta direção do Interlegis tomou a decisão de
aplicar o Censo do Legislativo  e junto com ele realizar o estudo piloto do
Censo do Legislador (nome dado pela equipe do IUPERJ que colaborava
conosco), a avaliação de impacto do programa Interlegis e o levantamento
patrimonial dos equipamentos entregues a mais de três mil câmaras
municipais. Sem estas pesquisas o Interlegis 1 não cumpriria as suas metas
e consequentemente não seria possível negociar o Interlegis 2.

Consultando o PNUD, o BID, a ABC e a Controladoria Geral da União, ficou
decidido que a equipe de campo seria arregimentada nos estados onde
atuariam e que seriam preferencialmente servidores do legislativo
trabalhando como voluntários. Ficou a cargo do PNUD o reembolso das
despesas com alimentação, hospedagem e transporte. Foi assim que e conheci
do Calil (GO), o Robison (GO), o Luciano de Fazio (SP), o Sergio Damiati
(SP), o Helio Teixeira (AL), o Allan (BA), o Ismael (BA), a Fatima (MG), o
Para (PB), Kerginaldo (CE) e tantos outros que não consigo nomeá-los. Estas
pessoas são hoje meus amigos e amigas, tenho tanto respeito e admiração por
eles que não dá nem para falar.

Paralelo ao trabalho de logística fizemos contato e pedimos com sucesso a
ajuda para analise e critica dos instrumentos de coleta de dados, da
Unicamp, UFMG, IUPERJ, UFRS, e ainda de professores das Universidades de
Oxford, Sorbone, Boston, Nova York. Em todas estas instituições o professor
Jales possuía contatos e colaboradores.

Estes professores e colaboradores estiveram em Brasilia em 2006 no Encontro
Internacional de divulgação e analise preliminar dos resultados.

No final das contas, assumi a coordenação das pesquisas porque o professor
Jales estava concluindo os trabalhos de revisão das legislações municipais.

Os anos e a disposição de coração tem me ensinado a ouvir e pensar sobre as
criticas que recebo ou que algum trabalho do qual participei ou participo
recebem com paciência. Tento sempre lembrar  que quem as faz possui
intenções e razões que devem ser analisadas com a ajuda da experiência e os
ótimos ensinamentos de Habermas e Carl Yung.

O primeiro Censo do Legislativo foi repleto de erros, desde o processo
seletivo, o treinamento das equipes, os instrumentos de coleta, a estrutura
de armazenamento de dados, as criticas dos dados brutos, as criticas dos
resultados. Enfim, todos os procedimentos contiveram falhas, pena que antes
de nós ninguém nem na América  do Sul  e nem em outros continentes havia
tentado coisa parecida em um lugar com as dimensões e diversidades do nosso
país. Fomos pioneiros, mas não aventureiros ou amadores ou irresponsáveis.
Somos servidores públicos sujeitos aos mecanismos de controle social e as
penas advindas de atos impróprios.



Todas as vezes que os órgãos de controle e fiscalização pedem informações
ao Interlegis sobre o Censo do Legislativo ou qualquer outra atividade que
realizamos respondemos prontamente e com a qualidade requerida. É nossa
obrigação atender assim como é para todas as instituições públicas fazê-lo.

Desde 2006 venho trabalhando no aperfeiçoamento dos instrumentos de coleta,
recebendo contribuições e criticas de Universidades e pesquisadores
independentes.  No primeiro semestre de 2011 retomamos contato com o IBGE
para aplicar o Censo do Legislativo como suplemento da MUNIC de 2012 e o
Censo do Legislador e Legislativo na MUNIC de 2013. Espero ainda que
possamos cumprir novamente estas metas.

Quem realmente já trabalhou com pesquisa e conhece as características dos
estudos em ciências sociais sabe que os erros são inevitáveis e que por
isso ciência não combina com arrogância, orgulho, falta de transparência e
publicidade. Na seara em que o Interlegis corajosamente se meteu buscando e
conseguindo recursos para pesquisas em ciências sociais voltadas para o
mítico universo da representação política é preciso saber que nosso
trabalho prosperará com efeitos para as próximas gerações. Nós somos a
geração que colocou o bumbum na janela e resolveu enfrentar o problema, não
fosse assim, nossa vida seria no Edem. Nossas constantes lutas advêm do
arrojo das nossas intenções e que todos os processos de mudança provocam ou
podem provocar reações adversas porque mexemos em zonas de conforto.
Enfim, analiso algumas das inquietações postadas nesta nossa lista como
fruto da falta de entendimento sobre o impacto do nosso trabalho, sobre o
tempo que será necessário para que as ações mais profundas apresentem seus
efeitos. Os anos em sala de aula tem me mostrado que tem diminuído cada vez
mais a capacidade de análise e síntese das pessoas, que há uma séria
dificuldade de aprendizado quando os conteúdos mesmo sendo semelhantes
divergem semanticamente. Por exemplo não é raro entre meus alunos de
primeiro semestre a confusão entre senso e censo, isto claro, quando não se
trata de problema mais grave, ou seja, quando pensam que se trata da mesma
palavra.


Em 16 de dezembro de 2011 22:05, Prof. Dr. Marcelo Arno Nerling <
mnerling em usp.br> escreveu:

> Sergio Varella,
> no meu tempo não havia não, se houvesse, teria sido um grande avanço.
> A minha indignação, essa sim, a 'todo vapor', é pelos resultados
> pífios do SINTER nos últimos 14 anos. Dentre elas, vale lembrar, sobre
> o Senso do Legislativo, que foi parar no TCU (hoje vejo o TCU quer
> fazer 'parceria' com o Interlegis quando deveria controlá-lo e dar
> satisfação pública sobre as denúncias):
>
>
> http://noticias.uol.com.br/escandalos-congresso/2010/2010/03/23/span18spancenso-legislativo-do-senado-empregou-parentes-e-aliados-de-senadores.jhtm
>
> É contra o desperdício de recursos públicos; contra um financiamento
> para modernização do legialativo, que terá gastado quase 50 milhões de
> dólares no Programa Interlegis, para termos esses resultados que temos
> e uma centralização absurda na 'gestão' da SINTER é que minha história
> na prática do legislativo, na prática da pesquisa e na prática do
> ensino, me obrigam a tomar posição no caso concreto.
> É a contribuição da Universidade Pública ao debate.
>
>
> --
> Prof. Dr. Marcelo Arno Nerling
> Curso de Gestão de Políticas Públicas
> Escola de Artes, Ciências e Humanidades
> Universidade de São Paulo - USP
>
>
> Citando Hélio Teixeira <heliolteixeira em gmail.com>:
>
> > Meu grande amigo Calil
> >
> > Meu companheiro de Censo (tempos bons aqueles...).
> >
> > Em primeiro lugar parabéns pelo blog (já estou te seguindo e tenha
> > certeza que serei um leitor assíduo das suas publicações!).
> >
> > Quanto ao seu depoimento sobre o Interlegis, concordo plenamente com o
> > amigo. A sua experiência como recenseador é ímpar e confere a você um
> > olhar privilegiado sobre a nossa Comunidade.
> >
> > Grande abraço do seu amigo (nordestino arretado! rsrsrs)
> >
> > --
> > Hélio Teixeira
> > IHT/Brasil
> > http://InstitutoHT.com.br
> > http://ComunicacaoChapaBranca.com.br
> > http://twitter.com/helioteixeira
> >
> > Em 16 de dezembro de 2011 18:12, marcos antônio calil
> > <marcosantoniocalil em gmail.com> escreveu:
> >> minha opinião sobre o interlegis..http://marcoscalil.blogspot.com/
> >>
> >> Em 16 de dezembro de 2011 18:19, <sergio.varella em usp.br> escreveu:
> >>
> >>> Marcelo,
> >>>
> >>> acompanhando a discussão surgiu, para mim, uma dúvida: Marcelo, quando
> >>> você foi vereador em Ijuí, a Colméia do Trabalho, mais jovem ainda, já
> >>> havia o interlegis?
> >>>
> >>>
> >>> Citando Fernanda123ja <fernanda123ja em gmail.com>:
> >>>
> >>> > Marcelo Nerling, querido, respeito sua opiniao mas é um discurso
> muito
> >>> > bonito pra quem aplaude da platéia. Trabalhe em uma Câmara Municipal,
> >>> > melhor, opte pra que seja uma Câmara de uma cidade do interior desse
> >>> > Brasil
> >>> > que você vai ter noção da importância do Interlegis não somente para
> a
> >>> > nossa democracia como para a transparência, inclusão e interligação
> da
> >>> > comunidade legislativa. É uma chamada "economia porca", não basta
> >>> > visualizar apenas a questão dos investimentos, mas sim os resultados.
> >>> > São
> >>> > ganhos imensuráveis para o nosso país o que o Interlegis proporcionou
> >>> > para
> >>> > cada Casa Legislativa de nosso Brasil. Não dá pra estimar...
> Reflexão:
> >>> > Um
> >>> > pai quando paga um bom colégio para o seu filho está pensando no
> valor
> >>> > agregado que isso terá no futuro, então pra economizar, por que não
> tira
> >>> > seu filho da escola? voce tiraria o seu? seria uma economia não acha?
> >>> > mas o
> >>> > que seria do seu filho no futuro????
> >>> >
> >>> > Se o governo pretendesse economizar com sabedoria não estaria
> aprovando
> >>> > aumentos gigantescos na folha de pagamento de seus agentes públicos e
> >>> > não
> >>> > pensando em cortar o nosso Interlegis.
> >>> >
> >>> > #desculpatavaengasgado!
> >>> >
> >>> >
> >>> > Em 16 de dezembro de 2011 15:48, Prof. Dr. Marcelo Arno Nerling <
> >>> > mnerling em usp.br> escreveu:
> >>> >
> >>> >> Distinguid em s interlocutor em s,
> >>> >> estamos diante de um Projeto que prevê uma economia anual para os
> >>> >> cofres públicos de R$ 150 milhões - previsão pelo Senador Benedito
> de
> >>> >> Lira (PP-AL)-, ao apresentar à Comissão de Constituição, Justiça e
> >>> >> Cidadania (CCJ), na quarta-feira 14/12/11, um substitutivo ao
> projeto
> >>> >> de reforma administrativa do Senado Federal.
> >>> >> Houve um 'pedido de vista coletivo' que adiou a votação para a
> próxima
> >>> >> reunião da CCJ, no dia 21. O projeto de resolução (PRS 96/09),
> >>> >> conforme o substitutivo de Benedito de Lira, prevê o envio à
> Comissão
> >>> >> Diretora do Senado de uma série de estudos, a cargo de diversos
> órgãos
> >>> >> técnicos da Casa, para redimensionar e melhorar o uso de recursos
> >>> >> humanos e materiais.
> >>> >> Entre esses estudos, está a regulamentação do pagamento de horas
> >>> >> extras e a redução de 30% da mão de obra terceirizada, no prazo de
> >>> >> seis meses, tomando como base os números de dezembro de 2010. O
> >>> >> relator estimou, com a redução da mão de obra terceirizada, uma
> >>> >> economia anual superior a R$ 48 milhões.
> >>> >> O Programa Interlegis não vai acabar. Ele precisa ser gerido e
> >>> >> descentralizado, com planejamento estratégico. O ferramental
> >>> >> teconológico, aliado a arte, à ciência acumulada pelos
> desenvolvedores
> >>> >> na ponta do sistema, dá ao Interlegis um suporte que deve ser
> >>> >> descentralizado, com trasparencia e publicidade.
> >>> >> Em 14 anos os resultados são pífios. O desempemnnho foi ineficiente,
> >>> >> porque não logrou as metas.
> >>> >> Façamos a defesa do Interlegis mais efieciente, com o planejamento,
> >>> >> formulação, implementação e avaliação do Programa com transparencia
> e
> >>> >> acesso à dados publicos e responsabilidade fiscal.
> >>> >> Levantemos nossa voz por um Interlegis democrático e com gestão
> >>> >> descentralizada. Só assim ele crescerá.
> >>> >> Mantido nos moldes dos últimos 14 anos, será mais difícil chegarmos
> ao
> >>> >> objetivo da modernização do legislativo na arte de 'legislar e
> >>> >> controlar', por força da representação, a aplicação dos recursos
> >>> >> públicos.
> >>> >> Penso que é hora de apoiar a reforma pelo bem da República.
> >>> >> É a contribuição da Universidade Pública ao debate.
> >>> >> Att.
> >>> >> --
> >>> >> Prof. Dr. Marcelo Arno Nerling
> >>> >> Curso de Gestão de Políticas Públicas
> >>> >> Escola de Artes, Ciências e Humanidades
> >>> >> Universidade de São Paulo - USP
> >>> >>
> >>> >>
> >>> >> Citando Fernanda123ja <fernanda123ja em gmail.com>:
> >>> >>
> >>> >> > Eu já mobilizei minha cidade toda, ja consegui um monte de
> curtição
> >>> >> > na
> >>> >> > página do facebook pedindo de um a um aos meus amigos (e vou
> >>> >> > continuar,
> >>> >> > temos que ter mais de 1000 curtições gente), anunciei até na rádio
> >>> >> > aqui!
> >>> >> >
> >>> >> >
> >>> >> >
> >>> >> > Em 16 de dezembro de 2011 15:23, Fernanda123ja
> >>> >> > <fernanda123ja em gmail.com>escreveu:
> >>> >> >
> >>> >> >> Haroldo,
> >>> >> >>
> >>> >> >> Se tiver o e-mail dos senadores que faltam assinar pode enviar
> pra
> >>> >> gente,
> >>> >> >> podemos tentar ajudar de duas formas:
> >>> >> >>
> >>> >> >> 1- lotar a caixa de e-mails dele com todos os membros do GITEC
> >>> >> >> pedindo
> >>> >> >> apoio,
> >>> >> >>
> >>> >> >> 2- Eleger alguem pra fazer isso em nome do grupo (Sugiro - primo
> do
> >>> >> Ishida
> >>> >> >> - ser o Angelo como presidente do GItec)
> >>> >> >>
> >>> >> >>
> >>> >> >>
> >>> >> >> Em 16 de dezembro de 2011 15:14, Haroldo Feitosa Tajra <
> >>> >> >> tajra em interlegis.leg.br> escreveu:
> >>> >> >>
> >>> >> >> Fabiano,
> >>> >> >>> Temos as assinaturas dos senadores Romero Jucá e Gim Argelo e o
> >>> >> >>> compromisso dos senadores Armando Monteiro e Vital do Rego,
> além do
> >>> >> apoio
> >>> >> >>> do Senador Cristóvão Buarque que não é membro da CCJ.
> >>> >> >>> Saudações,
> >>> >> >>> Haroldo Tajra
> >>> >> >>>
> >>> >> >>>
> >>> >> >>>
> >>> >> >>> -----Mensagem original-----
> >>> >> >>> De: interlegis-bounces em listas.interlegis.gov.br [mailto:
> >>> >> >>> interlegis-bounces em listas.interlegis.gov.br] Em nome de Fabiano
> >>> >> >>> Weimar
> >>> >> >>> dos Santos
> >>> >> >>> Enviada em: sexta-feira, 16 de dezembro de 2011 14:47
> >>> >> >>> Para: Comunidade do Poder Legislativo
> >>> >> >>> Assunto: Re: [interlegis] Apoio a Emenda Interlegis
> >>> >> >>>
> >>> >> >>> Prezado Haroldo,
> >>> >> >>>
> >>> >> >>> seria possível você dizer quais são os senadores que já se
> >>> >> >>> posicionaram a favor do Interlegis e assinaram a emenda?
> >>> >> >>>
> >>> >> >>> Atenciosamente,
> >>> >> >>>
> >>> >> >>> -- Fabiano Weimar
> >>> >> >>>
> >>> >> >>>
> >>> >> >>> Em 16 de dezembro de 2011 14:42, Haroldo Feitosa Tajra
> >>> >> >>> <tajra em interlegis.leg.br> escreveu:
> >>> >> >>> > Prezados,
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> > Gostaria de comunicar a todos que diante da gravidade da
> >>> >> >>> > situação, a
> >>> >> >>> > Diretoria do Interlegis tomou a iniciativa de elaborar uma
> emenda
> >>> >> com o
> >>> >> >>> > objeto de reverter tal quadro.
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> > A emenda foi muito bem aceita pelos Senadores que conseguimos
> >>> >> contatar e
> >>> >> >>> > será protocolada até a tarde de terça-feira, véspera da
> próxima
> >>> >> reunião
> >>> >> >>> da
> >>> >> >>> > CCJ.
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> > Apesar de necessitarmos da assinatura de um único Senador
> membro
> >>> >> >>> > da
> >>> >> >>> CCJ, a
> >>> >> >>> > nossa estratégia é conseguir o máximo de assinaturas
> possível. No
> >>> >> >>> momento já
> >>> >> >>> > temos a assinatura de dois Senadores membros da comissão e o
> >>> >> >>> compromisso de
> >>> >> >>> > mais duas assinaturas a serem colhidas na segunda-feira, além
> do
> >>> >> apoio
> >>> >> >>> de um
> >>> >> >>> > quinto Senador que não é membro da CCJ.
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> > A CCJ do Senado possui 23 membros, se conseguirmos assinaturas
> >>> >> >>> suficientes,
> >>> >> >>> > nossa emenda estará aprovada no momento em que for
> protocolada.
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> > Assim, gostaria do apoio de todos no sentido de ajudar a
> >>> >> >>> > convencer os
> >>> >> >>> > Senadores membros da CCJ a assinarem a Emenda Interlegis.
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> > Um abraço a todos,
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> > Haroldo Tajra
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> > Diretor da Secretaria Especial do Interlegis
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> > --
> >>> >> >>> > Site da Comunidade Interlegis:
> >>> >> >>> > http://www.interlegis.gov.br/interlegis
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> > Regras de participação:
> >>> >> >>> > http://colab.interlegis.gov.br/wiki/ComoParticiparComunidade
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> > Para pesquisar o histórico da lista visite:
> >>> >> >>> > http://colab.interlegis.gov.br/wiki/PesquisaListas
> >>> >> >>> >
> >>> >> >>> > Para administrar sua conta visite:
> >>> >> >>> > http://listas.interlegis.gov.br/mailman/listinfo/interlegis
> >>> >> >>>
> >>> >> >>>
> >>> >> >>>
> >>> >> >>> --
> >>> >> >>> Fabiano Weimar dos Santos [Xiru]
> >>> >> >>> http://www.pytown.com
> >>> >> >>> Blog: http://blog.xiru.org
> >>> >> >>> Twitter: xiru
> >>> >> >>> Skype: xirumacanudo
> >>> >> >>> MSN: xirumacanudo
> >>> >> >>> --
> >>> >> >>> Site da Comunidade Interlegis:
> >>> >> >>> http://www.interlegis.gov.br/interlegis
> >>> >> >>>
> >>> >> >>> Regras de participação:
> >>> >> >>> http://colab.interlegis.gov.br/wiki/ComoParticiparComunidade
> >>> >> >>>
> >>> >> >>> Para pesquisar o histórico da lista visite:
> >>> >> >>> http://colab.interlegis.gov.br/wiki/PesquisaListas
> >>> >> >>>
> >>> >> >>> Para administrar sua conta visite:
> >>> >> >>> http://listas.interlegis.gov.br/mailman/listinfo/interlegis
> >>> >> >>>
> >>> >> >>> --
> >>> >> >>> Site da Comunidade Interlegis:
> >>> >> >>> http://www.interlegis.gov.br/interlegis
> >>> >> >>>
> >>> >> >>> Regras de participação:
> >>> >> >>> http://colab.interlegis.gov.br/wiki/ComoParticiparComunidade
> >>> >> >>>
> >>> >> >>> Para pesquisar o histórico da lista visite:
> >>> >> >>> http://colab.interlegis.gov.br/wiki/PesquisaListas
> >>> >> >>>
> >>> >> >>> Para administrar sua conta visite:
> >>> >> >>> http://listas.interlegis.gov.br/mailman/listinfo/interlegis
> >>> >> >>>
> >>> >> >>
> >>> >> >>
> >>> >> >>
> >>> >> >> --
> >>> >> >> *Fernanda - Câmara Municipal de Paracatu*
> >>> >> >>
> >>> >> >> (38) 9808-8888 - (38) 3672-3003
> >>> >> >> fernanda123ja em gmail.com
> >>> >> >>
> >>> >> >>
> >>> >> >>
> >>> >> >>
> >>> >> >
> >>> >> >
> >>> >> > --
> >>> >> > *Fernanda - Câmara Municipal de Paracatu*
> >>> >> >
> >>> >> > (38) 9808-8888 - (38) 3672-3003
> >>> >> > fernanda123ja em gmail.com
> >>> >> >
> >>> >>
> >>> >>
> >>> >>
> >>> >> --
> >>> >> Site da Comunidade Interlegis:
> >>> >> http://www.interlegis.gov.br/interlegis
> >>> >>
> >>> >> Regras de participação:
> >>> >> http://colab.interlegis.gov.br/wiki/ComoParticiparComunidade
> >>> >>
> >>> >> Para pesquisar o histórico da lista visite:
> >>> >> http://colab.interlegis.gov.br/wiki/PesquisaListas
> >>> >>
> >>> >> Para administrar sua conta visite:
> >>> >> http://listas.interlegis.gov.br/mailman/listinfo/interlegis
> >>> >>
> >>> >
> >>> >
> >>> >
> >>> > --
> >>> > *Fernanda - Câmara Municipal de Paracatu*
> >>> >
> >>> > (38) 9808-8888 - (38) 3672-3003
> >>> > fernanda123ja em gmail.com
> >>> >
> >>>
> >>>
> >>>
> >>> --
> >>> Site da Comunidade Interlegis:
> >>> http://www.interlegis.gov.br/interlegis
> >>>
> >>> Regras de participação:
> >>> http://colab.interlegis.gov.br/wiki/ComoParticiparComunidade
> >>>
> >>> Para pesquisar o histórico da lista visite:
> >>> http://colab.interlegis.gov.br/wiki/PesquisaListas
> >>>
> >>> Para administrar sua conta visite:
> >>> http://listas.interlegis.gov.br/mailman/listinfo/interlegis
> >>
> >>
> >>
> >> --
> >> Site da Comunidade Interlegis:
> >> http://www.interlegis.gov.br/interlegis
> >>
> >> Regras de participação:
> >> http://colab.interlegis.gov.br/wiki/ComoParticiparComunidade
> >>
> >> Para pesquisar o histórico da lista visite:
> >> http://colab.interlegis.gov.br/wiki/PesquisaListas
> >>
> >> Para administrar sua conta visite:
> >> http://listas.interlegis.gov.br/mailman/listinfo/interlegis
> > --
> > Site da Comunidade Interlegis:
> > http://www.interlegis.gov.br/interlegis
> >
> > Regras de participação:
> > http://colab.interlegis.gov.br/wiki/ComoParticiparComunidade
> >
> > Para pesquisar o histórico da lista visite:
> > http://colab.interlegis.gov.br/wiki/PesquisaListas
> >
> > Para administrar sua conta visite:
> > http://listas.interlegis.gov.br/mailman/listinfo/interlegis
> >
> >
>
>
>
> --
> Site da Comunidade Interlegis:
> http://www.interlegis.gov.br/interlegis
>
> Regras de participação:
> http://colab.interlegis.gov.br/wiki/ComoParticiparComunidade
>
> Para pesquisar o histórico da lista visite:
> http://colab.interlegis.gov.br/wiki/PesquisaListas
>
> Para administrar sua conta visite:
> http://listas.interlegis.gov.br/mailman/listinfo/interlegis
>
-------------- Próxima Parte ----------
Um anexo em HTML foi limpo...
URL: http://listas.interlegis.gov.br/mailman/private/interlegis/attachments/20111219/7a4b6df5/attachment.htm 


Mais detalhes sobre a lista de discussão Interlegis