[gicom] Politica de moderação de conteúdos gerados pelo usuário

Hélio Teixeira heliolteixeira em gmail.com
Sexta Dezembro 18 15:03:17 BRST 2009


Pessoal.

Como falei dias atrás. O amigo João Lima, do LexML, interessado em
aperfeiçoar a ferramenta de busca fantástica que eles estão
desenvolvendo, me solicitou que eu fizesse um resumo das melhores
práticas de moderação de comentários (que eu prefiro ampliar para
"moderação de conteúdo gerado pelo usuário") em portais públicos no
mundo.

Como a nossa intenção é que todos se beneficiem do conhecimento gerado
nessa discussão, segue abaixo um breve resumo dos minhas colocações:

Amigo João e ALL,

Conforme prometido, segue abaixo um conjunto de idéias e reflexões
sobre o tema além de um resumo com algumas recomendações para a
definição de uma política de moderação de comentários que se aplica
tanto ao Portal do LexML quanto a qualquer outro portal público.

CONSIDERAÇÕES INICIAIS - O PRIMEIRO PASSO

Uma das questões mais sensíveis no processo de abertura de uma
organização pública ao debate público no mundo digital é o despreparo
e/ou desconhecimento do seu corpo funcional quanto ao funcionamento e
aos princípios que regem esse maravilhoso mundo novo para o qual a web
social nos “abiduziu” nos últimos anos.

O problema aqui é que esse conhecimento do qual estou falando não se
adquire em livros ou ouvindo histórias contadas por “quem sabe”...
Esse conhecimento só se adquire vivendo e participando do diálogo e/ou
interagindo (acertando e errando!) de forma franca e aberta nos mais
variados espaços de interações sociais da web.

Por tudo isso, acredito que a primeira (entenda que estou falando de
um processo que necessariamente deve evoluir!) e melhor solução para
você abrir o diálogo com os usuários do LexML sobre a qualidade dos
resultados das buscas feitas na ferramenta, e ao mesmo tempo,
desenvolver e cultivar as habilidades necessárias ao diálogo na equipe
gestora, é a publicação de um Blog.

O Blog trará inúmeros benefícios ao projeto. Daria para fazer uma
lista quilométrica com eles, rsrsrs. Por isso, quero destacar apenas
dois: (1) Além de tornar o diálogo mais franco e aberto, (2) vai
possibilitar o recebimento de valiosas contribuições dos usuários da
ferramenta o que necessariamente repercutirá na qualidade final do
serviço prestado.

A propósito, essa foi a solução encontrada pelo pessoal do
http://www.data.gov/ (vejam o blog em: http://datagov.ideascale.com/)

Mês passado, conversei longamente com alguns dos responsáveis pelo
Data.gov. De todos recebi a mesma resposta quando perguntei sobre qual
o papel do Blog dentro do projeto deles: “é uma ferramenta de
aperfeiçoamento da nossa base de dados e dos serviços que prestamos
aos nossos usuários”.

Voltando ao LexML, para não mexer muito na interface da ferramenta.
Vocês só precisariam acrescentar link “Blog”, por exemplo, entre os
links “pesquisa avançada” e “acervo”.

Quanto a ferramenta para a publicação do blog, não faltam opções. Você
tem um leque imenso para escolher. O pessoal do Data.gov utiliza uma
ferramenta muito interessante: o IdeaScale. Trata-se de uma ferramenta
desenvolvida especialmente para o diálogo e a construção de consensos
em ambientes digitais. Particularmente, considero a melhor ferramenta
disponível no mercado! (para essa finalidade específica, é claro)

Como a proposta do LexML é diferente (das do Data.gov), acredito que à
princípio, um blog WordPress, por exemplo, com um tema bem “azeitado”,
seria a melhor opção para o início da estruturação do diálogo.

Assim, a sua missão fica muito mais fácil. É só estabelecer a Política
de Moderação [de comentários] para o Blog e correr pro abraço...

Vejam uma sugestão:

Política de moderação

Nosso site opera uma política de moderação para garantir que seus
comentários sejam adequados e não prejudiciais para os outros. Assim,
os comentários que compreendam ou contenham expressões que evoquem ou
suscitem algum dos temas abaixo listados podem ser excluídos:

•	Ameaças ou expressões que incitem à violência

•	Obscenidades;

•	Postagens duplicadas;

•	Postagens revelando informações pessoais ou de terceiros que sejam
consideradas sensíveis (por exemplo, números de CPF e RG);

•	Informações publicadas que caracterizem violação da lei, incluindo
difamação, apologia, racismo, ou incentivo a atividades ilegais,
revelando informações confidenciais ou comentários que possam afetar o
resultado de processos judiciais em curso.

Além disso, ressaltamos que o principal objetivo desse diálogo é
responder à pergunta primordial: Como você avalia a qualidade dos
dados obtidos através do nosso mecanismo de busca? Os nossos
moderadores, portanto, reservam-se o direito de remover mensagens que
não estejam "no tópico" ou não abordem outros aspectos dessa questão.
Nosso desejo é eliminar discussões pouco produtivas que desviem o foco
da discussão para temas ou assuntos não relacionados ao propósito
desta ferramenta.

Se você tiver alguma reclamação sobre algum item de conteúdo gerado
por qualquer usuário deste site, entre em contato conosco [endereço de
email]

Grande abraço,

Hélio Teixeira
-- 
Hélio Teixeira
http://ComunicacaoChapaBranca.com.br
Twitter: http://twitter.com/helioteixeira ou
http://twitter.com/chapabranca


Mais detalhes sobre a lista de discussão GICOM