[gial] Wi-fi disponível aos visitantes da Câmara

Caleb Pedroso calbesms em gmail.com
Sábado Setembro 12 16:31:23 BRT 2015


oi ângelo, ao usar essa solução...
como você recomenda a autenticação: user/password? voucher? número MAC?

Abraço grande,
Caleb

Em 09/09/2015 07:18, Angelo Marcondes de Oliveira Neto escreveu:
> Adriano,
>
> Use o PFSense com Captive Portal e armazene os logs de acesso pelo tempo que a legislação mandar.
> É uma solução simples e gratuita.
>
> Abracos
>
> Ângelo Marcondes de Oliveira Neto
> angelomarcondes em gmail.com
> Câmara Municipal de Carreirinho
>
>
> Em 12/08/2015 14:37, José Ricardo da Silveira Chagas <jose.ricardo.chagas em hotmail.com> escreveu:
>> Sim, evidente que a Câmara não pode disponibilizar serviço à população. Isso compete ao Executivo.
>> Mas isso não significa que o legislativo não possa disponibilizar o seu espaço e funcionalidades para a imprensa e os visitantes.
>> Disponibilizar rede de wi-fi é o mesmo que disponibilizar luz e água para os usuários.
>> A distinção principal é esta que tu mencionou: a segurança da rede.
>> Ora, disponibilizar de wi-fi implica risco à segurança, eis um bom argumento para dizer não.
>>
>> E pronto.
>>
>>
>>
>>
>>> Date: Wed, 12 Aug 2015 14:10:39 -0300
>>> From: legislativo em palmital.sp.leg.br
>>> To: gial em listas.interlegis.gov.br
>>> Subject: [gial] Wi-fi disponível aos visitantes da Câmara
>>>
>>> Boa Tarde,
>>>
>>> A presidente da Casa me solicitou que disponibilizasse aos munícipes
>>> visitantes da Câmara o sinal do Wi-fi. Como a nossa rede é utilizada
>>> apenas internamente, jamais poderia disponibilizar a senha da rede e
>>> deixar a rede exposta aos visitantes.
>>> Sendo assim, procurei uma solução de hotspot e encontrei uma empresa que
>>> oferece um roteador wi-fi que ao visitante se conectar na rede ele
>>> digita os dados dele, ficando registrado o seu acesso, para a Câmara ter
>>> o controle de quem esteve acessando, para possíveis futuros problemas e
>>> também "isola" a nossa rede, não sendo acessível pelos visitantes.
>>> Essa empresa não cobra pelo equipamento, cobra apenas uma mensalidade
>>> para manutenção da base de dados e do equipamento.
>>>
>>> Ai obtive um parecer interno aqui com a seguinte afirmação "A Câmara não
>>> pode custear serviços para a população", alegando que o serviço é para a
>>> população e não para a Câmara, não sendo permitido a Câmara pagar tais
>>> mensalidades.
>>>
>>> Gostaria da posição de vocês a respeito.
>>>
>>> Um abraço a todos e agradeço antecipadamente.
>>>
>>> Att.
>>> Adriano Meira
>>> Diretor Legislativo
>>> Responsável pelo T.I. da Câmara
>>> -- 
>>> Histórico do grupo:
>>> http://colab.interlegis.leg.br/search/?type=thread&order=latest&list=gial
>>>
>>> Regras de participação:
>>> http://colab.interlegis.leg.br/wiki/ComoParticiparComunidade
>>>
>>> Para administrar ou excluir sua conta visite:
>>> https://listas.interlegis.gov.br/mailman/listinfo/gial




Mais detalhes sobre a lista de discussão GIAL