[gial] RES: RES: RES: RES: Transparência pública

Kelly Soares kellyconsultoria em hotmail.com
Quinta Maio 6 21:42:38 BRT 2010


Róbison, 

É justamente nesse ponto que me prendo! Porque tecnologia, se não existe, desenvolve-se. A questão é: a que custo?
Justifica o custo pelo benefício?
E onde ficam os demais princípios basilares da administração pública? Em nome da transparência justifica o gasto com equipamentos, sistemas e capacitação de servidores gastando-se um dinheiro que poderia ser empregado na saúde, na educação, na infraestrutura urbana?
Gente, uma coisa é falar disso para um município como São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e outras grandes metrópolis. Outra coisa é falar disso para o meu municpio de Sete Lagoas (que não é pequeno, já disse) e mais ainda, para os vários (e maioria) dos municípios com seus menos de 10.000 habitantes, que vivem parcamente com os recursos repassados do FPM. 
Eu assessoro duas prefeituras de cidadezinhas com pouco mais de 5.000 habitantes e conheço a realidade deles. Gente, acreditem! essa gente mal consegue operar um sistema de gestão financeira e contábil, com o auxílio de uma empresa que lhes vendem o sistema. Como nós não estamos falando só do Poder Executivo, porque a LC fala em União, Estados e Municípios, logo entendemos todos os poderes (ou não?), imaginem isso na mesma realidade interiorana, onde as Câmaras Municipais funcionam com apenas UM servidor público. Dá pra imaginar isso em prática? 

Resumindo: se eu fosse a gestora de um município assim, juro pra vocês que eu não investiria um centavo sequer num programa dessa natureza. Abriria todos os arquivos para o exame de quem assim desejasse e publicaria tudo o quanto fosse possível. Mas, gastar para proporcionar esse nível de publicidade quando falta comida, remédio, educação, saneamento básico, infraestrutura, tratamento de esgoto, água potável de qualidade, emprego. Só em MInas Gerais, dos seus 853 municípios, mais de 400 vivem essa situação, considerando uma faixa populacional entre 5.000 e 10.000 habitantes. 

Sinceramente, acho bonito, mas, utópico demais! Temos problemas outros e muito básicos para serem resolvidos, por uma questão de sobrevivência de muita gente!
Essa é a realidade que conheço. Me perdoem se não consigo visualizar outro cenário com os mesmos olhos dos colegas!
E, só para lembrar, a publicidade detalhada da folha de pagamento da prefeitura de São Paulo, pode não ter chamado a atenção de absolutamente ninguém. Mas, na minha cidade, as pessoas apontariam pra você na rua dizendo a todos o quanto você ganha. A quem isso interessa?

Um abraço gente!

Kelly

 		 	   		  
_________________________________________________________________
DIVIRTA SEUS AMIGOS NO MESSENGER. TRANSFORME AQUI SUAS FOTOS EM EMOTICONS, É GRÁTIS.
http://ilm.windowslive.com.br/?ocid=ILM:ILM:Hotmail:Tagline:1x1:Tagline
-------------- Próxima Parte ----------
Um anexo em HTML foi limpo...
URL: <http://listas.interlegis.gov.br/pipermail/gial/attachments/20100506/1bbc8d6c/attachment.html>


Mais detalhes sobre a lista de discussão GIAL